Campinas: Bellucci e Monteiro contra argentinos na estreia

Início    /    Tênis    /    Campinas: Bellucci e Monteiro contra argentinos na estreia
Por Raphael Favilla  •  30 de Setembro de 2018

A chave principal do challanger de Campinas foi sorteada neste sábado e os confrontos da primeira rodada, que começa a partir de segunda-feira, foram definidos. Um deles será entre o paulista Thomaz Bellucci e o argentino Juan Ignacio Londero, cabeça de chave 5 e 118º, num confronto inédito.

“Será um jogo difícil, o Londero está indo muito bem nos challengers, tem subido no ranking, então o mais importante é entrar bem preparado. Este é um torneio novo pra mim, já tinha vindo aqui na Hípica muitas vezes quando era juvenil, é especial sempre jogar com a torcida dos amigos e do público brasileiro”, avaliou o canhoto de Tietê.

“Acho que um torneio no Brasil é uma chance de melhorar meu ranking, enfrentar jogadores duros e ganhar confiança. Tenho mais seis torneios para jogar este ano, não tenho nada para defender, então espero ficar perto do top 100 para no ano que vem poder jogar quali dos ATPs e torneios maiores”, explica o paulista, atual 266º do mundo.

Campeão juvenil do US Open, o paranaense Thiago Wild, que entrou na chave principal com um convite, encara o cabeça de chave 3 Hugo Dellien, 105º, da Bolívia. Os jogadores que também receberam wild-cards, o campineiro Felipe Meligeni Alves e o gaúcho Rafael Matos enfrentam Federico Coria e Marcelo Barrios Vera, respectivamente.

Atual número 1 do Brasil, o cearense Thiago Monteiro, cabeça de chave 4, fará sua partida de estreia contra o argentino Pedro Cachin.

"Sempre gosto desta época do ano, jogando no nosso continente e tendo a chance de atuar no Brasil, com o apoio da torcida, no saibro. Espero fazer boas campanhas neste período e voltar ao top 100 do ranking", comentou Monteiro, que já alcançou as quartas de final em Campinas em 2016.

Monteiro vem de uma boa campanha no challenger de Biella, na Itália, onde alcançou a semifinal. Desde agosto, o cearense é treinado pelo argentino Fabian Blengino.

O paulista Rogério Silva enfrenta um jogador vindo do quali. Já o gaúcho Guilherme Clezar duela com o chileno Christian Garin.

Feijão avança no quali; Orlandinho leva virada e cai

O paulista João Souza, o Feijão, venceu sua partida de estreia no qualificatório do challenger de Campinas, superando João Nusdeo por 6/2 e 6/0. Seu próximo rival será o argentino Franco Agamenone. O paulista de Mogi das Cruzes busca recuperação no ranking após mudanças em sua vida e nascimento da filha há pouco mais de um ano.

“Comecei uma parceria com o Thiago Alves e está dando certo. Ano passado e este ano foram muito diferentes na minha vida, fiquei algum tempo sem jogar e um tempo ‘machucado da cabeça’, vamos dizer assim. Mas, quando voltei, voltei mais tranquilo e ganhei um torneio (future) na Itália. Minha intenção é terminar o ano com o ranking mais próximo possível do 250º para poder jogar o Aberto da Austrália”, comenta o ex-top 70.

Quem não teve a mesma sorte foi o gaúcho Orlando Luz, que acabou sendo superado logo em sua estreia do qualifying. Orlandinho mediu forças com o gaúcho Fabricio Neis, chegou a vencer o primeiro set, mas levou a virada e perdeu com parciais de 3/6, 7/5 e 6/2. Na próxima rodada, Neis enfrenta Fernando Yamacita, que derrotou Fernando Romboli, por 7/5 e 6/4.

Publicidade