Finalistas definidos no Roland-Garros Junior Wild Card Series

Início    /    Juvenil    /    Finalistas definidos no Roland-Garros Junior Wild Card Series
Por Nittenis News  •  06 de Abril de 2019

Fotos de Heide e de Nalanda, por Marcello Zambrana, divulgação CBT

Jovens, mas experientes. Saber como se joga o Roland-Garros Junior Wild Card fez a diferença nas quadras do Itamirim Clube de Campo, em Itajaí (SC). Três dos quatro atletas que garantiram presença na final, que serão realizadas neste domingo, estiveram presentes na última edição da competição, no ano passado, em Belo Horizonte (MG). A decisão feminina será disputada pela goiana Nalanda Silva contra a paulista Camilla Bossi. Entre os rapazes, Rafael Silva, de São Paulo, enfrenta Gustavo Heide, de Ribeirão Preto (SP). 

A primeira a confirmar seu lugar na final foi Camila Bossi, que venceu Érika Cheng por 6/4 e 6/2. No ano passado, Bossi encerrou sua participação no torneio nas quartas de final. "Estar aqui é uma oportunidade única para a gente, que tem a chance de ir para o Roland-Garros Junior. Fiquei muito feliz com a vitória, e agora só falta uma partida. Está cada vez mais próxima a minha chance de jogar lá", destacou.

Na final, ela vai enfrentar Nalanda Silva, a principal cabeça de chave em Itajaí (SC). A goiana superou a catarinense Priscila Janikian em uma equilibrada partida, com 2h25min de duração. A vitória foi confirmada em três sets: 6/1, 3/6 e 7/6(1). No ano passado, Nalanda avançou até a semifinal.

Entre os garotos, o paulista Rafael Silva volta à final depois de ganhar de Joaquim Almeida (PA), na semifinal, por 6/4 e 6/1. No ano passado, ele também chegou à decisão em Belo Horizonte, mas acabou derrotado por Mateo Reyes. Agora, mais experiente, ele espera outro desfecho na competição. "Eu consegui um resultado forte, que me motiva. Vou lembrar do que fiz no ano passado e pensar no que posso fazer a mais neste ano. Vou me esforçar para dar tudo na final", apontou o finalista.

Na final, ele enfrenta Gustavo Heide, também paulista. Heide, que é o único dos finalistas que não jogou no ano passado, é o principal cabeça de chave no torneio e eliminou o paranaense Eduardo Taiguara na semifinal por torneio, por 6/2 e 6/2.

Os campeões, no masculino e no feminino, ganharão uma viagem com tudo pago para Paris, onde irão enfrentar os vencedores das mesmas seletivas da China e da Índia. Deste confronto saem os classificados para o Roland-Garros Junior em maio.

A goiana Nalanda Silva está na final


Publicidade